Google Lança Gemini Advanced e Anuncia Fim do Bard em Atualização de IA

,




O Google revelou hoje o lançamento do Gemini Advanced, uma versão avançada de sua poderosa inteligência artificial (IA). Juntamente com essa atualização, a empresa anunciou a chegada de um aplicativo móvel dedicado ao uso da IA, ao mesmo tempo em que a ferramenta anteriormente conhecida como Bard foi renomeada para Gemini, unificando todos os seus produtos de IA sob um único guarda-chuva.

Com essa mudança estratégica, o Google aposentou o termo Bard e passou a adotar Gemini como o nome abrangente para seus produtos de IA, abrangendo tanto o chatbot, que opera de maneira semelhante ao ChatGPT, quanto a inteligência subjacente que impulsiona seu funcionamento.

O Gemini Advanced, agora oferecido como uma versão paga, representa uma atualização mais robusta do robô. Disponível em inglês, essa versão inclui o “Ultra 1.0”, um modelo aprimorado capaz de lidar com tarefas complexas, como codificação, raciocínio lógico, instruções diferenciadas e colaboração em projetos criativos.

Para acessar o Gemini Advanced, os usuários podem aderir ao novo plano Google One AI Premium, disponível por R$ 96,99 por mês em mais de 150 países e territórios. Embora, inicialmente, esteja disponível apenas em inglês, a empresa planeja expandir o suporte a outros idiomas ao longo do tempo. Os assinantes desse plano também poderão aproveitar a IA em outros serviços do Google, como Gmail, Meet, Documentos, Planilhas e Apresentações.

Em paralelo, o Google lançou o aplicativo Gemini para dispositivos Android e iOS por meio do Google App. Inicialmente disponível nos Estados Unidos, a empresa planeja disponibilizar a versão móvel da IA para mais países em breve. O aplicativo permitirá interações por meio de texto, voz ou imagens.

O Gemini, lançado em dezembro do ano passado, representa o auge da inteligência artificial do Google, com capacidades avançadas para organizar, compreender e combinar diferentes tipos de informações, incluindo texto, imagens, áudio, vídeo e linguagens de programação. O modelo multimodal do Gemini o destaca, sendo capaz de compreender e raciocinar sobre diversas formas de dados, semelhante ao GPT-4, um avançado modelo de linguagem desenvolvido pela OpenAI.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ativar Timer