Logo iLista Empresas

CPI planeja “driblar” PGR para denunciar Bolsonaro

CPI planeja “driblar” PGR para denunciar BolsonaroCPI quer mirar Bolsonaro e driblar PGR Em 11/10/2021

A comissão da CPI da Covid vem traçando algumas estratégias para fazer com que suas denúncias contra o presidente Jair Bolsonaro cheguem ao STF com ou sem a ajuda de Augusto Aras, procurador-geral da República.

A PGR tem 30 dias para dar encaminhamento ao relatório final da CPI. Se ele arquivar o relatório, ou não enviar denúncias ao STF, entidades de direito privado entrarão com ação direta no Supremo.

Em caso de eventual desídia do Ministério Público, a parte legítima da ação, ou seja, o público, ou parentes de vítimas, tem a possibilidade de ofertar uma ação direta privada ao STF.

Randolfe Rodrigues

O relator da CPI da Covid, Renan Calheiros, já mostrou estar decidido a incluir Bolsonaro como um dos responsáveis pelas mais de 600 mil mortes por Covid-19. No último domingo (10/9), o parlamentar afirmou que o relatório final da Comissão deve atribuir pelo menos 11 crimes ao chefe do Executivo.

Além do Bolsonaro, devem ser indiciados Flávio, Carlos e Eduardo Bolsonaro , ao menos três atuais ministros do governo, entre eles Marcelo Queiroga, Wagner Rosário,Onyx Lorenzoni e o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros.

Também vai ter nomes como os dos ex-ministros Eduardo Pazuello, Osmar Terra e Ernesto Araújo, das deputadas federais Carla Zambelli e Bia Kicis, da médica Nise Yamaguchi e dos empresários Luciano Hang, Carlos Wizard, Otávio Fakhoury e Francisco Maximiano, dono da Precisa Medicamentos, também aparecem na lista.

Fonte Canal Vista Pátria
https://vistapatria.com.br/cpi-planeja-driblar-pgr-para-denunciar-bolsonaro/

Notícias recentes